Governo Herzem quer ampliar número de refeições do Restaurante Popular

Governo Herzem quer ampliar número de refeições do Restaurante Popular



Na tarde desta quarta-feira (17), o prefeito Herzem Gusmão (MDB), ao tomar conhecimento de uma decisão da Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social, em reduzir de 700 para 600 refeições diárias, e alteração no horário de funcionamento do Restaurante Popular – desautorizou imediatamente, oque chamou de "equivocada decisão tomada".

O prefeito Herzem Gusmão recebeu informações imprecisas sobre os recursos disponíveis para o funcionamento do Restaurante Popular, e determinou que a equipe técnica da Semdes, fosse a PJ, empresa de assessoria do Governo Municipal para buscar solução viável.

Alguém, mesmo recebendo orientação da PJ, em não efetuar nenhum corte na redução das refeições ofertadas – tomou a iniciativa de anunciar a imprensa, e até colocar cartazes, anunciando diminuição no tempo de funcionamento do órgão.

O prefeito solicitou da secretária titular da pasta, Irma Lemos (PTB), que apure responsabilidade de quem tomou a desastrosa decisão. O prefeito solicitou a exoneração do responsável tão logo seja identificado o autor.

A secretária Irma (Foto), ficou alegre e feliz em saber que nenhum corte atingirá o Restaurante Popular. A meta de Irma, com a sua dedicação, é chegar a 1.000 refeições dia.

#CapadoBlog1