Instalação do Planetário 'Professor Everardo Públio de Castro' avança

Instalação do Planetário 'Professor Everardo Públio de Castro' avança



A cúpula do Planetário Professor Everardo Públio de Castro começou a ser montada nessa terça-feira (30). Localizado no Centro Glauber Rocha – Educação e Cultura, o equipamento é o mais sofisticado do Brasil, conforme atestam os representantes brasileiros da empresa americana Evans & Sutherland Computer Corporation, responsável pela instalação.

Os engenheiros ingleses Tom e Joseph Stanford são responsáveis pela implantação da arcada dome screen, que permitirá a imersão da tecnologia tridimensional sem uso de óculos. Uma equipe local auxilia os técnicos estrangeiros na montagem. A cúpula hemisférica de 13 metros de diâmetro é construída em alumínio microperfurado no revestimento interno e em aço e ferro na estrutura externa.

A instalação da cúpula segue a previsão. “O prazo de conclusão dessa montagem é de aproximadamente quatro semanas. A gente acredita que consegue entregar antes por conta do staff muito bom que encontramos em Vitória da Conquista”, declarou o responsável da empresa, Carlos Fini.

Técnicos norte-americanos devem vir em setembro para realizar a segunda etapa na qual serão instalados os equipamentos de projeção gráfica; de áudio state-of-the-art, com caixas de som colocadas atrás da cúpula para que o som venha do teto, e de iluminação em LED. Após essas instalações, a empresa vai oferecer treinamento para os técnicos locais.

“Possivelmente esse equipamento é o mais moderno da América Latina com esse porte e flexibilidade toda”. comentou Fini. Em maio, o sócio representante André Alencar realizou a vistoria do espaço, ficando surpreso com estrutura. “Sinceramente foi o primeiro local que visitei e teve aprovação imediata”, disse na época.

Com capacidade para 165 pessoas em sua sala de projeção, o planetário irá possibilitar atividades educativas de forma lúdica e interativa. “É um equipamento de primeiro mundo que dará uma nova dinâmica na tecnologia, na ciência, aprimorando o conhecimento de todos que compõem a Rede Municipal de Ensino e às comunidades vizinhas”, afirmou o secretário municipal de Educação, Esmeraldino Correia.