top of page

Autoridades dos EUA afirmam acreditar que avião ucraniano foi derrubado por míssil do Irã


Irã nega possibilidade e diz que é 'cientificamente impossível' que um míssil tenha atingido a aeronave. Trump afirmou que 'alguém pode ter cometido um erro do outro lado'.
Irã nega possibilidade e diz que é 'cientificamente impossível' que um míssil tenha atingido a aeronave. Trump afirmou que 'alguém pode ter cometido um erro do outro lado'.

G1 | Autoridades dos Estados Unidos acreditam que o avião ucraniano que caiu em Teerã, no Irã, foi derrubado por um míssil iraniano, informou a imprensa americana nesta quinta-feira (9). O Irã negou essa possibilidade. Nenhuma das 176 pessoas que estavam a bordo sobreviveu à queda.


Em declaração na Casa Branca, o presidente dos EUA, Donald Trump, foi questionado sobre o que achava que tinha acontecido com o avião. Ele respondeu que "alguém pode ter cometido um erro do outro lado".


"Não quero dizer isso porque outras pessoas têm suspeitas", disse Trump, mas acrescentou: "Alguém pode ter cometido um erro do outro lado... não o nosso sistema. Não tem nada a ver conosco", afirmou, segundo a rede de televisão americana CNN.


O presidente americano disse, ainda, que tem um "pressentimento terrível" sobre a queda do avião.


Segundo a agência de notícias Reuters, fontes do governo americano estão "confiantes" de que o avião foi derrubado por um míssil do Irã, de acordo com "dados de satélite". Ainda de acordo com a agência, as fontes, que não foram identificadas, dizem que a aeronave "muito provavelmente" foi derrubada acidentalmente pela defesa aérea iraniana.


O Pentágono se negou a comentar a queda do avião.

Comments


bottom of page