Campanha de vacinação contra gripe começa na próxima segunda (23)

Campanha de vacinação contra gripe começa na próxima segunda (23)

Neste ano, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza vai ser antecipada e vai acontecer entre os dias 23 de março e 22 de maio e será dividida em três fases por grupos prioritários. Idosos com mais de 60 anos e trabalhadores da saúde serão os primeiros a receber a dose do imunizante, a partir da próxima segunda-feira (23).


Por decisão do Ministério da Saúde, a antecipação da campanha, que todos os anos ocorria no mês de abril, foi motivada pelo atual momento do cenário mundial de combate ao Coronavírus (COVID-19) e da confirmação de casos no Brasil. Apesar da vacina não proteger contra o novo vírus, a estratégia visa reduzir a quantidade de pessoas com gripe nesse inverno, considerando que os sintomas da gripe são semelhantes aos do Coronavírus e a vacinação também pode ajudar a diferenciar as doenças, bem como minimizar os impactos sobre os serviços de saúde.


Os idosos e trabalhadores da saúde foram priorizados para serem vacinados na 1ª fase, considerando que “os profissionais de saúde estão à frente do atendimento à população, tornando-se assim, um grupo de risco para estarem em contato com ambos os vírus, e os idosos por conta da idade e da baixa imunidade”, explica Camila Alves Assunção, Coordenadora de Imunização do município.


A meta é imunizar, pelo menos, 90% dos grupos prioritários. Em Vitória da Conquista, espera-se atingir a vacinação de 31.492 idosos e 8.496 trabalhadores da saúde nesta primeira fase.


Para receber a dose da vacina, as pessoas devem procurar a unidade de saúde mais perto de casa portando, de forma indispensável, a carteira de vacinação, cartão SUS e documento de identidade. Para os trabalhadores da saúde, a vacinação será feita mediante documento de comprovação profissional.


O dia D de vacinação vai acontecer no dia 9 de maio. Ao longo da campanha, outros grupos também irão participar da 2ª e 3ª fase. Confira a distribuição:


1ª fase – início 23/03:


Idosos (60 anos e mais);

Trabalhadores da saúde;

2ª fase – início 16/04:


Professores de escolas públicas e privadas;

Profissionais das forças de segurança e salvamento;

Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

3ª fase – início 09/05:


Crianças de 6 meses a menores de 6 anos;

Gestantes;

Puérperas;

Povos indígenas;

Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas;

População privada de liberdade;

Funcionários do sistema prisional;

Adultos de 55 a 59 anos de idade.